Resumos de Livros

Entre os maiores nomes de autores literários brasileiros está José de Alencar (1829-1877). Formado em direito pela Universidade de São Paulo, ele é considerado o maior romancista durante o movimento do Romantismo brasileiro. Em suas obras ele descrevia a cultura brasileira e buscava uma identidade nacional. Entre suas grandes obras está “Senhora”, “O Guarani”, “Iracema”, O sertanejo, entre outras.

Ele tenta mostrar aspectos sociais, geográficos e temáticos do Brasil da época, usa uma linguagem que foge do português de Portugal e se aproxima mais do português do Brasil. Ele conseguiu retratar desde o sertanejo do nordeste até a sociedade burguesa carioca. Seus romances estão divididas em: urbano, indianista, regionalista e histórico. No romance regionalista está O Sertanejo, tema deste artigo.

Resumo

Nos primeiros capítulos do livro o narrador apresenta primeiro a paisagem do sertão, para depois aparecer com o personagem principal e enredo.

A história de O sertanejo se passa no nordeste e tem como personagem-narrador Severino, uma pessoa que tenta se definir ao longo da obra mas não consegue, então passa a ser uma figura genérica que representa o povo daquela região. Ele é representante de um povo sofrido, que luta contra a fome, sede e miséria.

O personagem principal é Arnaldo Loureiro, um vaqueiro cearense, simples, mas que luta pelo que quer e enfrenta tudo pelo amor e seus ideais. O vaqueiro trabalha para o capitão-mor, de nome Arnaldo Campelo. Arnaldo enfrenta todos os riscos necessários com a esperança de um dia conquistar a simpatia da meia irmã do capitão-mor, Dona Flor.

Arnaldo é descrito ao longo da obra como arredio, simples e bom. Chega a ser uma figura misteriosa, atenta a todos os pedidos de seu patrão e se mostrando um funcionário exemplar, ele tem o hábito de dormir no alto de arvores na mata. Sua submissão é reconhecida como digna. O único rival de Arnaldo se chama Marcos Fragoso, e Dona Flor é prometida para Leandro barbilho. No dia do casamento, inimigos do capitão-mor surgem, acontece um tiroteio onde Leandro Barbilho morre. Arnaldo tenta consolar Flor enquanto ela lamenta. A história acontece no sertão de Quixeramobim, Ceará.

No final o capitão-mor reconhece a bravura e dignidade de Arnaldo, e permite que ele use seu sobrenome, Campelo.

COMPARTILHE

Faça seu comentário