A Segunda Guerra Mundial foi um conflito que atingiu todos os países do mundo, abalados pelas crises sociais e econômicas das décadas de vinte e de trinta. Foi um conflito mais duradouro do que a Primeira Guerra e provocou a morte de milhões de pessoas.

A Idade Contemporânea

Algumas das causas dessa guerra foram: a revolta da Alemanha para com as decisões tomadas pelo Tratado de Versalhes, os choques entre as ideias fascistas, nazistas e socialistas, o expansionismo e militarismo de algumas nações como Alemanha, Itália e Japão, unidas em uma aliança “Eixo”, e a crise de 1929.

A causa imediata do início da guerra foi a invasão da Polônia pelas tropas alemãs, contrariando o pacto de não-agressão assinado entre Alemanha e União Soviética. Em repúdio à atitude alemã, Inglaterra e França, solidárias com a União Soviética, declararam guerra à Alemanha. Isso ocorreu em 19 de setembro de 1939.

A primeira fase da guerra deu-se entre 1939 e 1941, na Europa. Caracterizou-se pela rápida ofensiva alemã sobre as linhas de defesa dos aliados. Os alemães conquistaram a Dinamarca, a Noruega, a Holanda, a Bélgica, a França e territórios no norte da África. Em 1941, invadiram a União Soviética, e os japoneses atacaram a base militar dos Estados Unidos de Pearl Harbour, no Oceano Pacífico.

Na segunda fase, entre 1942 e 1945, o conflito tornou-se realmente mundial. Dois grandes blocos se confrontaram: Eixo, formado por Alemanha, Itália e Japão, e os Aliados, formado por Inglaterra, França, Estados Unidos e União Soviética.

Entre 1942 e 1943, desenrolou-se uma luta sangrenta no território russo, em Stalingrado, onde alemães foram derrotados pelo exército russo. A partir daí, os russos recuperaram vários territórios ocupados por tropas nazistas, como a Finlândia e a Hungria.

Na sequência: forças chinesas na Batalha de Wanjialing; forças australianas durante a Primeira Batalha de El Alamein; aviões alemães Stuka na Frente Oriental; forças navais estadunidenses no Golfo de Lingayen; Wilhelm Keitel assinando a Rendição Alemã; tropas soviéticas durante a Batalha de Stalingrado.
Na sequência: forças chinesas na Batalha de Wanjialing; forças australianas durante a Primeira Batalha de El Alamein; aviões alemães Stuka na Frente Oriental; forças navais estadunidenses no Golfo de Lingayen; Wilhelm Keitel assinando a Rendição Alemã; tropas soviéticas durante a Batalha de Stalingrado.

Foi dessa dessa fase a participação do Brasil na guerra, ao lado dos aliados, por meio da FEB – Força Expedicionária Brasileira – em combates na Itália.

Em 6 de junho de 1944 ocorreu o chamado Dia D, quando milhares de soldados aliados desembarcaram no litoral da Normandia, na França.

Na Europa, a guerra chegava ao fim com a rendição das forças alemãs em 9 de maio de 1945.

Na Ásia, os combates continuaram até o momento em que os Estados Unidos explodiram duas bombas atômicas nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, em agosto de 1945. Em setembro o Japão se rendia.

As principais consequências da guerra foram:

  • A decadência dos regimes totalitários;
  • A independência das colônias africanas e asiáticas;
  • O emprego cada vez maior das armas nucleares;
  • A crise econômica e a agitação social em todo o mundo;
  • A divisão do mundo em dois blocos antagônicos: o socialista e o capitalista;
  • A guerra fria;
  • A divisão da Alemanha entre os países-vencedores da guerra, em Alemanha Ocidental (capitalista) e Oriental (socialista);
  • A criação da Organização das Nações Unidas (ONU) em 1945, cujo objetivo principal é manter a paz e a segurança mundial.

Curiosidades:

  • O dia 8 de maio é o Dia Mundial em memória dos que morreram durante a Segunda Guerra Mundial.
COMPARTILHE

Faça seu comentário